sexta-feira, 28 de outubro de 2011

"Uma noite na nossa vida"

Postado por Marcos™ Aprile às 23:42
No meio da noite acordo e escuto um principio de choro de fome, e antes de se tornar uma estrondosa sirene aguda fui tentar resolver, mas por uns poucos segundos te olhei deitada recostada no travesseiro e com um doce sorriso nos lábios. É uma das coisas que eu mais prezo atualmente, poder admirar você em momentos que tu nem imagine que é isso que estou fazendo. Bom que como você, nossa menina ama meu colo, e isso já faz a choro ranheta cessar. Só é complicado pra mim aqui na cozinha, com ela nos braços e preparar a mamadeira, mas vou tentar. Tenho sim várias habilidades na cozinha, só que elas só são claras quando tenho as duas mãos livres. Mesmo com todo o cuidado possível, uma colher ordinária cai no piso da cozinha, que ódio! Seus passos se aproximam seus olhos se acostumando com a claridade e a boca meio puxada pra esquerda, como que me reprovando.

E a fatídica pergunta:

Ela - Porquê não me acordou pra cuidar dela?

Eu - Quer mesmo saber?

Ela - Não, estou perguntando por não ter nada pra fazer...

Eu - Um dos motivos d’eu não te acordar é poder voltar pra cama e ver seu rosto lindo e ficar bem perto pra sentir o calor da sua respiração no meu rosto.
Eu não te acordei por ter ouvido você sussurrar no meu ouvido que eu era um presente pra você pouco antes de te ouvir ressonar.
Não te acordei por ter amado a forma como ficou desenhado nas minhas costas com a sua unha.
Não te acordei por ser Pai e não um mero participante na concepção da menina.
Não te acordei por saber que você já fez imensamente mais que eu nos quase nove meses que levou ela ai dentro de ti.
Não te acordei por saber que quão melhor é o seu sono, mais delicioso será o meu bom dia.
Não te acordei por ter optado por te ter como minha mulher, e não como mãe dos meus filhos.
Não te acordei por saber que ter você acordada na mesma cama que eu é um perigo, e ambos precisamos dormir e você ainda ta se recuperando do nascimento da nossa menina.
E por fim, eu não te acordei por te amar, por saber que eu fiz a escolha certa, por querer ficar um tempo aqui com a pequena e pensar em como te fazer sorrir amanhã, eu não te acordei porque ia falar bem pertinho do seu ouvido quando voltasse pra cama o quanto te amo, os porquê’s d’eu te amar, os motivos d’eu te querer mais e mais a cada dia. Eu não te acordei por esses motivos, tenho mais alguns motivos pra pontuar, mas se você acordar novamente outro dia, já tenho o que falar quando você me perguntar...

Ela - Você não me acordou pra me fazer achar que to sonhando acordada...

São Paulo, 20 de Junho de 2013



Hoje completamos 16 meses de vida juntos, eu não sei bem o que escrever, tem um nó na garganta, e pelo que parece esse mesmo nó toma meus dedos, fazendo com que eu tenha dificuldade com as palavras. Amor, creio já ter usado essa palavra e todo seu mais complexo significado em relação a ti inúmeras vezes, ainda assim procuro novas formas de dizer o quanto te amo, como te amo e os porque’s de te amar. Agora que tudo está tão perto, nossa vida, nossa casa e nossa paz eu reitero o que sempre te disse: “Por você todo esforço vale à pena”. Te amo tanto, palavras pra expressar meu sentimento por você jamais existirão, é grande demais o que sinto pra uma simples mistura de letras resumir. E tudo que você leu ai em cima, você sabe bem que vai acontecer, não só por uma noite, mas por muitas.
Você é a melhor pessoa do mundo, do meu mundo, o ser humano mais maravilhoso que já conheci, é uma honra poder fazer parte da sua vida, e construir contigo uma história.


MINHA MULHER, MEU MAIS LINDO AMOR

8 comentários:

Ariane Rezende on 29 de outubro de 2011 00:11 disse...

...

Alicia on 29 de outubro de 2011 00:35 disse...

eu tentei não morrer de inveja, mas não consegui.

morri.

seus lindos.

Karla Tabalipa on 29 de outubro de 2011 15:39 disse...

Como eu já falei: é amor que transborda em palavras!
Lindos! Sempre lindos!

Denny on 29 de outubro de 2011 19:32 disse...

nhooooim

Rita de Cássia on 29 de outubro de 2011 19:34 disse...

:-O

Anônimo disse...

Chorei né, claro!
o amor de vcs me dá esperança na vida, sabe?? me dá esperança de viver algo parecido!


Lindemais!

Fábio Pedro Racoski on 29 de outubro de 2011 23:32 disse...

Toda vez que um aluno adolescente meu quiser dar lições de amor, como se soubesse o que é amor, indicarei este blog, com certeza.

Tudo que é sincero e cheio de amor, é considerado fofo. Então... QUE FOFO!

Grazi disse...

Marcos Aprile e Ariane Rezende deveriam ser estudados , como exemplos de AMOR, PERSEVERANÇA, FÉ, SAUDADE, CUMPLICIDADE, PACIENCIA, CARINHO , AFETO , AMIZADE.
O Mundo precisa de mais Marcos e Aris

Eu sou Fã .
Beijos

ShareThis

 

Um amor como o nosso... Copyright © 2011 Design by Ipietoon Blogger Template | web hosting